London City Airport quer contratar funcionários multiculturais

21 de fevereiro de 2014

A finalidade é manter uma boa imagem e garantir a satisfação dos clientes.

O London City Airport (LCY), no Reino Unido, considera seus funcionários uma peça-chave para a realização de suas principais premissas: manter uma boa imagem internacional e garantir a satisfação do cliente. O City Airport está em Londres, uma das cidades mais cosmopolitas e com mais passageiros estrangeiros do mundo, por isso, a contratação de funcionários pluriculturais é quase uma imposição. (fotos: PRWeb / Newham Recorder)

Declan Collier, chefe executivo do LCY, explica a importância de contratar funcionários de diversa procedência. “Nossos funcionários são a cara pública de Londres, uma das cidades mais cosmopolitas do mundo, e também refletem a enorme diversidade de passageiros com quem trabalhamos”, afirma Collier. “Por nossas instalações circulam diariamente passageiros de muitas nacionalidades diferentes, por isso é essencial ter funcionários treinados para prestar assistência aos passageiros em sua língua nativa e para aportar seu conhecimento pessoal sobre os destinos atuais e potenciais”, completa.

Além disso, o aeroporto empregará a mais 1,5 mil funcionários em jornada completa, devido à futura ampliação das instalações aeroportuárias. Segundo as previsões, em 2023, mais de 3,5 mil pessoas de 30 diferentes nacionalidades trabalharão no LCY. “Apostando em uma força de trabalho plural e multicultural, apoiamos a nossa visão e estratégia empresarial, o que é chave para fortalecer o nosso negócio”, explica Collier.

A origem das 2 mil pessoas que trabalham no LCY varia desde a Austrália à África do Sul, passando pelo Brasil e pela Espanha, entre outros. Ao todo, cerca de 13% dos profissionais do aeroporto não possuem a nacionalidade britânica.

LCYSurjiv Singh, funcionário no London City Airport, foi empregado através do programa “Take Off into Work” 

Contratação local

O LCY combina sua intenção de internacionalizar aos funcionários com o compromisso de fomentar o emprego na zona leste de Londres, onde fica situado o aeroporto. De fato, 61% dos trabalhadores aeroportuários moram a menos de 8 quilômetros do seu local de trabalho.

Por outra parte, o aeroporto proporciona formação e experiência profissional para quem está em busca do primeiro emprego. A iniciativa “Take Off into Work” (Decole Até um Emprego) já ajudou a 300 pessoas a achar seu primeiro emprego desde 2009.

Ana Abril com informações do equipos&talento

Ana Abril (90 Postagens)

Estudante do último ano da dupla graduação em Jornalismo e Comunicação Audiovisual. Mora em Praga, na República Tcheca. Colunista da Revista Embarque.


Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários