Londres: Samsung compra naming rights do Terminal 5 do Heathrow Airport

18 de maio de 2014

A ação é parte de uma agressiva campanha publicitária realizada pela indústria eletrônica sul-coreana 

A partir da segunda-feira, dia 19 de maio, o Terminal 5 do Heathrow Airport, em Londres, passará a se chamar “Terminal Samsung Galaxy S5”. Isso porque o terminal será alvo de uma das técnicas de marketing mais utilizadas nos últimos anos: os naming rights (em português, direitos de nome). Nessa nova forma de publicidade, uma empresa, a indústria eletrônica Samsung, adquire o direito de nomear uma instalação, neste caso o Terminal 5 do Heathrow Airport, em troca de uma transação financeira. (fotos: Adambro / SeongJoon Cho-Bloomberg)

Durante as duas semanas de duração do projeto, a publicidade do novo celular da Samsung estará por todas as partes: nas entradas ao terminal, portas de embarque, áreas de retirada da bagagem, em 172 telas informativas de voos e até no site do terminal. A entrada do prédio também terá uma placa com o novo nome provisório do Terminal 5.

Consequentemente os passageiros não poderão se mexer sem ver o desenho do celular na sua frente. Caso a vontade de comprar o celular apertar, o viajante só terá que seguir a sinalização até chegar às lojas Dixons Travel onde poderá adquirir o aparelho.

samsungSamsung é uma das empresas que mais investe em marketing. Ao todo, 5,4% de seu negócio é direcionado para essa área

A campanha organizada pela Samsung, em parceria com o Heathrow Airport e a empresa publicitária JCDecaux Airport é um marco na indústria publicitária, já que, pela primeira vez o maior aeroporto do Reino Unido permite que uma marca renomeie seu Terminal 5.

Russell Taylor, vice-presidente de Marketing Corporativo da Samsung Electronics em Reino Unido e na Irlanda, expressou o orgulho pela vanguardista ação conduzida pela empresa sul-coreana. “Estamos sempre à procura de maneiras de maximizar o impacto da marca e esta atividade é uma prova disso. A parceria com a JCDecaux Airport e o Heathrow Airport foi uma oportunidade única para empurrar as fronteiras como nenhuma outra marca foi autorizado a fazer antes”, declarou Taylor.

Esta forma de publicidade é muito criticada pelos clientes por ser invasiva e não beneficiá-los. Por estas razões, o que levou o aeroporto a realizar essa ação? Embora o custo da campanha não tenha sido revelado, estima-se que o aeroporto terá grandes lucros. Por outro lado, os prejuízos para a imagem do Heathwrow Airport podem custar caro já que a mudança de nome pode gerar confusões e, portanto, o descontentamento dos passageiros.

Por sua parte, a Samsung parece não estar contente com o recorde de 10 milhões de Galaxy S5 vendidos durante os 25 primeiros dias. Por isso, aposta em uma agressiva campanha publicitária, esperando que as vantagens econômicas sejam proporcionais ao grande investimento realizado.

Ana Abril com informações do Impulso Negocios e do ITespresso

Ana Abril (90 Postagens)

Estudante do último ano da dupla graduação em Jornalismo e Comunicação Audiovisual. Mora em Praga, na República Tcheca. Colunista da Revista Embarque.


Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários