Copa 2014: Operações especiais nos aeroportos estão funcionando

17 de junho de 2014

Para o  ministro da Secretaria da Aviação, Moreira Franco, o índice de atrasos e cancelamentos estão extremamente baixos

O diretor da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Marcelo Guaranys, afirmou que os indicadores de atrasos e cancelamentos de voos nos aeroportos brasileiros durante a Copa do Mundo estão dentro da normalidade.
De acordo com os números da Anac, até domingo, o índice de atrasos nos aeroportos do País era de 4,2% e o índice de cancelamentos foi de 8,2%. Guaranys prevê que os números podem chegar a 15% de atrasos e entre 5% a 10% de cancelamentos no momento de maior pico da Copa.
Para o ministro-chefe da Secretaria de Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, os números mostram “um índice extremamente baixo (de cancelamentos e atrasos) e muito abaixo de qualquer padrão internacional”.
A Anac mantém operação especial de 5 de junho a 25 de julho cobrindo 88 aeroportos com quase mil servidores espalhados por 80 terminais do País, incluindo os 16 aeroportos nas cidades-sede da Copa.
“Nossos indicadores de ocorrências estão baixos e temos verificado que está tudo ocorrendo dentro da normalidade”, finalizou o diretor.

Com informações da ANAC

Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários