Passageiros da Azul com pets ganharão sachês de Pedigree e Whiskas

Ação será realizada em 14 aeroportos do País

15 de setembro de 2016

Os passageiros da Azul que embarcarem com pets  nos aeroportos de São Paulo (Viracopos e Guarulhos), Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro (Santos Dumont), Curitiba, Manaus, Cuiabá, Goiânia, Salvador, Recife, Vitória, Belém e Porto Velho,  ganharão sachês de Pedigree e Whiskas.

A ação, que faz parte da estratégia de divulgação do filme “Pets – A Vida Secreta dos Bichos”, estreia nesta quinta-feira (15) e ocorre por tempo indeterminado. O filme tem distribuição da Universal Pictures e foi lançado no Brasil em 25 de agosto.

Os terminais foram escolhidos com base no histórico de transporte de animais domésticos nos últimos seis meses – mais de 5,5 mil cães ou gatos estiveram a bordo da companhia em voos que decolaram das 14 bases, sempre de acordo com as regras de transporte de animais.

As amostras de sachês serão entregues aos clientes que se apresentarem no check-in com seu cão ou gato.

“Os animais domésticos de nossos clientes passarão a ter um tratamento ainda mais especial a bordo. Esta ação fortalece nossa proximidade com os consumidores, sobretudo aqueles que gostam de viajar junto de seu cãozinho ou gatinho. Agora, os voos são ainda mais confortáveis também para os bichinhos”, comenta Claudia Fernandes, diretora de Marketing e Comunicação da Azul.

Regras para transporte de animais em voos domésticos

Um dos pontos mais importantes é o peso do animal e do contêiner, que não podem exceder 5 kg. Os animais precisam ter mais de quatro meses para viajar e ficar acomodados dentro do contêiner, entre os pés de seu dono. São permitidos no máximo três pets a bordo e o cliente pode levar apenas um por voo. A taxa de serviço cobrada é de R$ 200,00.

A Azul pede a seus clientes que sempre levem o comprovante de vacinação antirrábica e o atestado de saúde do animal emitido por um médico veterinário, com validade de até dez dias da data da emissão. Nos voos internacionais, o transporte de animais ainda não é permitido.

A caixa de transporte deve ser um contêiner rígido (fibra ou plástico) ou mala flexível (com hastes internas de metal para reforçar a estrutura – ambos devem ter pisos absorventes de fezes e urina). Dimensões: máximo 43 cm de comprimento, 31,5 cm de largura e 20 cm de altura.

 Os documentos exigidos são: comprovante da vacinação antirrábica com o nome do laboratório produtor, tipo da vacina e o número da partida/ampola utilizada. A vacina precisa ter sido aplicada há mais de 30 dias e há menos de um ano do embarque. Também é necessário atestado de saúde do animal emitido por médico veterinário com validade de dez dias da data de emissão.

Para viagens com destino a Fernando de Noronha, além da documentação é necessária a autorização de entrada de animais na ilha, expedida pela Secretaria de Meio Ambiente e Turismo de Fernando de Noronha.

A Azul não transporta animais domésticos em voos internacionais.

Para mais informações, acesse o site da Azul : www.voeazul.com.br

 

 

Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários