Conheça o delicioso “Pousadas Breakfast” em Portugal

Servido todas as manhãs em 24 locais está disponível também para os visitantes, a partir de € 12,00

Por: Redação Revista Embarque - 4 de novembro de 2016

Quem for a Portugal, além de conhecer a beleza histórica de 70 anos traduzida em castelos, palácios e mosteiros, também terá a oportunidade de saborear um sofisticado Café da Manhã com produtos da tradição portuguesa.

Conhecido como “Pousadas Breakfast”, esse serviço oferece aos hóspedes  e visitantes em 20 pousadas um novo conceito de Café da Manhã.

De norte a sul do país, cuidadosamente decorados e bem apresentados, não faltarão queijos e embutidos típicos – e de certificada qualidade – das regiões. Compotas confeccionadas nas cozinhas das pousadas, mel regional, iogurtes naturais frescos servidos em jarras de vidro, entre muitos outros.

O menu ainda inclui uma variedade de pães, com destaque para a broa de milho servida em suas tradicionais e douradas fatias, assim como o inevitável pastel de nata tem seu lugar garantido.

O suco de laranja natural é um dos elementos de diferenciação e sinônimo de qualidade no café da manhã das pousadas. O Bolo Real, cuja receita perdura há vários anos, e é muito apreciado pelos clientes, será a marca registrada do “Pousadas Breakfast”. Um doce conventual, onde predominam os sabores de amêndoa e gila, será presença garantida em todos os cafés da manhã.

O administrador das Pousadas de Portugal, Frederico Costa, disse que o café da manhã é um dos momentos mais referenciados na estadia de um hotel. “Temos como expectativa que este tipo de iniciativa contribua para valorizar a importantíssima gastronomia das Pousadas de Portugal, sem dúvida, a mais relevante rede de restaurantes de gastronomia nacional no País.

O “Pousadas Breakfast” é servido todas as manhãs e também está disponível para os visitantes, custando a partir de  € 12,00.

Mais informação em www.pousadas.pt

Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários