Antigo aeroporto continuará sendo o maior espaço de lazer de Berlin

3 de junho de 2014

Conheça o empenho dos berlinenses para preservar o Tempelhof Airport como o maior parque da capital alemã

Os 300 hectares que há 6 anos estavam ocupados por um dos aeroportos mais velhos da Europa, o Berlin Tempelhof Airport, continuarão sendo um dos espaços mais queridos da capital alemã. Apesar da proposta do prefeito de Berlin, Klaus Wowereit, de construir prédios nos terrenos do antigo aeroporto, os berlinenses se organizaram para conseguir que as instalações continuem sendo o maior parque da cidade. (fotos: andBerlin / BZ-Berlin / publixphere) 

O fechamento do histórico aeroporto em 2008 foi provocado por sua proximidade à cidade. A impossibilidade de ampliar suas instalações aeroportuárias e terminais deixou o aeroporto ineficaz e ultrapassado em relação a seus competidores. Consequentemente, o aeroporto foi fechado e reinaugurado em 2010 como zona de lazer ao ar livre.

100

O futuro do parque, porém, bamboleou após a proposta de urbanização do prefeito Wowereit neste ano. Com isso, não tardou para os cidadãos lançarem a iniciativa “100% Tempelhofer Feld” (em português, “Nós queremos 100% de Tempelhof”) se opondo ao projeto do prefeito. O projeto previa a conversão de 20% do parque em mais de 4 mil apartamentos, uma biblioteca e um lago. Finalmente, a ação conseguiu recolher 185 mil assinaturas para submeter o futuro do parque à votação.

Dessa forma, no mesmo dia das eleições para o Parlamento Europeu, 65% da população de Berlin votou contra o projeto de construção, isto é, escolheu a permanência do parque.

tempelhof

A eleição esteve em grande parte determinada por questões históricas. No decorrer dos piores momentos da Guerra Fria para os berlinenses, durante o bloqueio terrestre realizado pela União Soviética entre 1948 e 1949, o aeroporto conectou a empobrecida população com o resto do mundo através de uma ponte aérea. Por isso, a estação de metro do aeroporto se chama Platz der Luftbrücke, ou seja, Praça da Ponte Aérea.

Não é a primeira vez que surgem ideias em torno da construção de diferentes projetos no terreno, que hoje é uma grande esplanada cheia de grama. Uma piscina gigante com ondas artificiais para surf é um exemplo dessas propostas.

Entretanto, os berlinenses curtem o espaço praticando kitewing com patins, esporte que aproveita o vento para impulsionar uma asa delta, e celebrando festivais de música eletrônica nos antigos hangares dos aviões, como o A&P Berlin Summer Rave. No mesmo espaço, os cidadãos realizam churrascos, tomam sol e até celebram anualmente o alternativo concurso de moda Bread & Butter.

Ana Abril com informações do 02B e do Zoom News

Ana Abril (90 Postagens)

Estudante do último ano da dupla graduação em Jornalismo e Comunicação Audiovisual. Mora em Praga, na República Tcheca. Colunista da Revista Embarque.


Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários