Índia: Aeroporto Rajiv Gandhi implementa sistema de energia solar

Novo sistema vai economizar 12 toneladas de carvão e cerca de 80 mil litros de água por dia

18 de janeiro de 2016

Pegando a rota da energia sustentável, o Aeroporto Internacional Rajiv Gandhi, em Hyderabad, na Índia, incorporou ao seu sistema um mecanismo de energia solar que será responsável por 20% do consumo de eletricidade do aeroporto por dia.

A concessionária responsável pelo Aeroporto, a GMR, instalou mais de 16 mil painéis solares em uma área de 24 acres, a um custo de US$300 milhões. Estes painéis são feitos por uma tecnologia poli cristalina, que está entre as tecnologias mais eficientes disponíveis atualmente.

48467896_1452666346

A energia gerada vai economizar 12 toneladas de carvão e cerca de 80 mil litros de água por dia. Em termos ambientais, isto é o equivale ao plantio de 20 árvores, eliminando a emissão de mais de sete mil toneladas de gás carbônico.

O Aeroporto de Rajiv Gandhi é o terceiro terminal do País que optou mudar para o uso de energia solar. O primeiro foi o Aeroporto Internacional de Nova Deli (DEL), capital da Índia, e em setembro do ano passado foia vez do Aeroporto Internacional de Cochin (CIAL), em Kerala.

Redação Embarque 

(Visited 265 times, 1 visits today)

Redação Revista Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com

Fone: (11) 96948-7446

Whatsapp: (11) 96948-7446