Loja solidária oferece roupas para moradores de rua

23 de junho de 2014

Vestuário e acessórios são distribuídos gratuitamente a quem não tem condições de comprar

A vida de um morador de rua não é nada fácil. Na batalha por moedas e trocados, estar com uma roupa no corpo é quase uma questão de sobrevivência. Escolher algum modelo específico, cor, estilo é luxo. Mas na África do Sul, a realidade difícil dessas pessoas tem mudado. O país lançou em janeiro deste ano, a primeira “The Street Store” (Loja de Rua, em tradução livre), um espaço que oferece um pouco de estilo a quem não tem onde morar, com roupas e acessórios distribuídos gratuitamente.

181

Loja montada no Brasil, em São Paulo

 

Idealizada pela dupla de publicitários, Kayli Levitan e Max Pazak, o conceito virou realidade, pela primeira vez, na Cidade do Cabo e recebeu cerca de mil sem-tetos, que tiveram a chance de escolher sua própria roupa. “Nosso objetivo é tornar a doação mais digna, fazendo com que o morador de rua se sinta em uma situação de igualdade com o próximo”, explica  Levitan no site do projeto.

706x410q70rebecca-popup-MAIN

 

Erguida com papelão, a “The Street Store” reúne peças arrecadadas em doações. O projeto ocupa espaços públicos de bairros pobres, temporariamente, com a permissão de lideranças comunitárias.

Como a pobreza atinge várias partes do mundo, a dupla disponibiliza a proposta para qualquer pessoa que queira propagar a loja. Para fazer parte dessa corrente, é preciso assumir um compromisso no site do projeto www.thestreetstore.org. Em seguida, será enviado um link com acesso a todos os materiais de marketing e um guia completo de como montar uma filial da lojinha da solidariedade.

The Street Store 3

 

* Com informações do Daily Mail  e agências 

Vanessa Barboza Vanessa Barboza (100 Postagens)

Jornalista, redatora, adora cinema, arte, literatura e moda. É colunista da Revista Embarque.


Redação Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Fone: (11) 3101-1912

Comentários