LATAM Cargo Brasil transporta células para paciente na Argentina

Essa ação faz parte do programa Avião Solidário que há 9 anos realiza atividades com foco em saúde e ajuda humanitária.

22 de abril de 2020

Pela primeira vez,  a LATAM Cargo Brasil realizou  o transporte de células para a Argentina. O voo, realizado no último dia (18), foi operado em um Boeing 767, exclusivo para transporte de cargas, que decolou de Viracopos(Campinas) e pousou no mesmo dia no aeroporto de Ezeiza(Buenos Aires). As células chegaram na Argentina para ajudar no tratamento de um paciente que tem Síndrome mielodisplásica, um tipo raro de câncer que interrompe a produção de células sanguíneas.

Os aviões de carga são os únicos que mantêm a liberdade de trânsito internacional devido ao papel que desempenham nos países. Esta iniciativa foi realizada em parceria com o Instituto Nacional Central Único Coordinador de Ablación e Implante(INCUCAI), uma entidade que se reporta à Subsecretaria de Gerenciamento de Serviços e Institutos do Ministério Nacional de Saúde da Argentina, cuja missão é promover, padronizar, coordenar e supervisionar as atividades de doação e transplante de órgãos, tecidos e células na Argentina. (Pilotos da LATAM Cargo se preparam para transportar célula para paciente na Argentina (Divulgação)

Para realizar essa operação, a LATAM Cargo dedicou uma equipe multidisciplinar composta por mais de 30 pessoas que planejou em tempo recorde toda atividade e manuseio das células que foram transportadas.

A ação da LATAM faz parte do programa Avião Solidário que há 9 anos realiza atividades com foco em saúde e ajuda humanitária na Argentina, Brasil, Colômbia, Chile, Equador e Peru.

No Brasil, a LATAM também integra um grupo de companhias aéreas nacionais que transportam gratuitamente órgãos, tecidos e equipes médicas para transplantes. Por meio de um acordo com Ministério da Saúde, Central Nacional de Transplantes, Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA) e operadores aeroportuários, elas contribuem para que o Brasil mantenha o maior sistema público de transplantes do mundo.

No ano passado, somente a LATAM Brasil transportou 1.546 itens entre órgãos e equipes de captação.

Redução de passageiros

Devido às restrições de viagens e a histórica queda na demanda devido à COVID-19, o Grupo LATAM Airlines e suas subsidiárias anunciam que irão manter a redução de suas operações de passageiros em 95% durante maio de 2020.

(Visited 85 times, 1 visits today)

Redação Revista Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com

Fone: (11) 3136-0953

Whatsapp: (11) 96948-7446

Comentários


WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com