Piloto cria máquina que ajuda no combate ao coronavírus nos aeroportos

Disponível em supermercados de Minas e São Paulo, a inovação foi desenvolvida no país há pouco mais de um ano

Por: Viviane Barbosa, Redação Revista Embarque - 26 de março de 2021

Uma solução tecnológica promete eficácia no combate ao novo coronavírus nos setores de embarque e desembarque de passageiros nos aeroportos. Batizado de “Markclean 01” trata-se de uma máquina de desinfecção que utiliza a tecnologia de atomização para sanatizar, ou seja, desinfectar micropartículas nos produtos ajudando a combater vírus, fungos e até bactérias. (foto: Protótipo da máquina no setor de desembarque de passageiros)

A inovação foi desenvolvida no país há pouco mais de um ano por um grupo de empreendedores mineiros: o piloto de linha aérea, Carlos Soares, que também é estudioso de mecânica de fluídos, e pelos amigos e hoje sócios o administrador financeiro, Leandro Marins, o Engenheiro de Automação, Ivan Lisboa e o Design de produtos e fotógrafo, Kleber Schmidt.


Foto dos empreendedores: Carlos Soares, Leandro Marins, Ivan Lisboa e Kleber Schmidt.

A ideia tornou-se realidade e hoje está disponível no setor varejista em supermercados em Minas Gerais e no interior de São Paulo. O idealizador da solução, o piloto Carlos Soares, disse à Revista Embarque que a máquina é inédita no Brasil e a ideia desse dispositivo de desinfecção já existia antes da pandemia. Ele conta que sua família já tinha o hábito de lavar as compras do supermercado e manter a higienização pelo cuidado com o filho.

“Claro que a pandemia reascendeu a chama de impulsionar ainda mais as pesquisas e inserir esse equipamento no mercado tendo em mãos o protocolo de patente e a certeza de que é seguro e eficiente”, disse o piloto, que perdeu o emprego no ano passado devido à crise econômica desencadeada pela pandemia de Covid-19 que atingiu drasticamente os setores de aviação e turismo no Brasil e no exterior.

Estima-se que sete mil profissionais da aviação – aeroviários, aeronautas e aeroportuários – perderam seus postos de trabalho no ano passado.

Dispositivo nos aeroportos

O sonho dos empreendedores mineiros é que a máquina de desinfecção possa ser implementada também nos aeroportos brasileiros.

“O ambiente aeroportuário é um grande vetor de contaminação, multiplicador desse contágio do novo coronavírus, por isso, aperfeiçoamentos a tecnologia para que tenha eficácia para descontaminar bagagens e os carrinhos”, explica Soares.

O empreendedor conta que está em negociação com os aeroportos de Cofins, em Minas Gerais, Juscelino Kubitschek, em Brasília, e o Internacional de São Paulo, em Guarulhos (GRU Airport).

Sobre o valor da máquina, o aviador preferiu não falar o preço, alegando que o custo do aço inoxidável – que é feita a máquina tem oscilado muito no mercado — mas disse que os clientes que comprarem o dispositivo poderão monetizar por meio da inserção propaganda nos painéis digitais da máquina.

Paixão por voar

Foto: Aviador e empreendedor Carlos Soares 

Perguntado se uma oportunidade surgisse na aviação, Carlos foi enfático: “sou aviador, meu sonho é voar. Vou esperar essa oportunidade, mas conseguirei conciliar essas duas paixões: voar e empreender. A pandemia veio para acelerar esse processo de digitalização que estamos vivendo hoje. Hoje não temos mais escolha, tudo agora é on-line”, ressalta.

O aviador transmite uma mensagem de esperança para quem está passando dificuldades diante dessa pandemia: “Prefiro ser um homem de paradoxos, do que de preconceitos. Melhor ter a cabeça aberta do que ficar preso em conjecturas. A gente é mais forte do que imaginamos”, finaliza.

Máquina disponível  no Hipermercado D’avó, na Grande São Paulo.

(Visited 291 times, 1 visits today)

Redação Revista Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com

Fone: (11) 96948-7446

Whatsapp: (11) 96948-7446