Viracopos atenderá 22 milhões de passageiros até 2038

24 de outubro de 2013

O Aeroporto será o único do País com três pistas, e terá uma área de 30 mil metros.

O plano da Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos é fazer com que o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP) seja o maior complexo da América Latina até 2038.
Para tanto, Viracopos já terá um diferencial, segundo o presidente da concessionária, Luiz Alberto Küster, ele será o único Aeroporto do país com três pistas, além disso, será disponibilizado 25 milhões de metros quadrados de área para construção de uma cidade aeroportuária e para o trem de alta velocidade.
Ao final das obras de ampliação, Viracopos terá sua área ampliada de 8,34 quilômetros quadrados para 25,99 quilômetros quadrados.
A primeira parte das obras, que já está em andamento, deverá ser concluída até 2014 e nela está incluso a construção de um novo terminal para 14 milhões de passageiros por ano ao custo de R$1,4 bilhão.
O novo terminal terá 110 mil metros quadrados de área total, edifício-garagem com três pisos e 28 posições para o estacionamento de aeronaves com pontes de embarque e desembarque (fingers), além de sete posições remotas, com acesso aos aviões por meio de ônibus.

Serviços
A área vai ocupar 30 mil metros quadrados e deve oferecer área de concentração com lojas, restaurantes, áreas de check-in e de desembarque, posto da Receita Federal e para a checagem de passaporte. Para o embarque, serão três alas que avançam pela pista em forma de garfo. No projeto do anexo consta ainda a preparação para uma futura expansão vertical com escritórios comerciais e hotel.

Novo terminal será entregue em 2014
O presidente da Concessionária garantiu que o novo terminal do Aeroporto de Campinas (SP) será entregue em maio do ano que vem.
“ São 6 mil homens trabalhando dia e noite na obra, o projeto executivo e o básico acontecem ao mesmo tempo”, disse. O novo terminal terá capacidade de receber 14 milhões de passageiros por ano.
Na segunda parte da ampliação, prevista para 2018, a meta é capacitar Viracopos para atender 22 milhões de passageiros por ano.
E ao final da concessão, em 30 anos, o aeroporto deverá estar apto a oferecer serviços aeroportuários para 80 milhões de usuários por ano.” afirma Küster.
O segundo ciclo de etapas de construção do aeroporto deve ocorrer entre 2018 a 2022 e logicamente que vai depender da demanda”, ponderou o presidente.
Segundo ele serão realizados estudos que vão dimensionar se deve ser antecipado ou não a execução das obras.

 

Com Informações do Aeroporto de Viracopos e Agências

 

(Visited 550 times, 1 visits today)

Redação Revista Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com

Fone: (11) 96948-7446

Whatsapp: (11) 96948-7446