Ministério da Saúde lança site que ajuda a planejar viagens

Portal “Saúde do Viajante” mostra uma série de cuidados que os viajantes devem ter

Por: Redação Embarque - 12 de julho de 2016

Para proteger a saúde durante as viagens, o Ministério da Saúde acaba de lançar o portal Saúde do Viajante. A iniciativa visa ajudar no planejamento de quem pretende acompanhar os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro ou apenas quer passar um tempo fora de casa ou do País.

Disponível em três idiomas (português, inglês e espanhol), o Saúde do Viajante apresenta orientações para preparação, durante e pós-viagem, tanto para brasileiros quanto estrangeiros que viajam pelo Brasil ou ao exterior.

O site mostra uma série de cuidados que os viajantes devem ter antes da viagem, no avião e no destino. Confira algumas dicas:

Alimentação

Caso for passar uma longa temporada longe de casa, é importante conhecer o clima e hábitos alimentares do destino. Por isso, o Ministério da Saúde recomenda atenção especial para o local onde o turista fará as refeições.

É preciso ficar atento à limpeza de ambientes e às condições de conservação, temperatura, apresentação dos alimentos e não se esquecer de lavar frutas e verduras antes de comê-las. Também é importante evitar comer carnes cruas ou mal cozidas ou alimentos de procedência duvidosa. Além disso, consumir água mineral engarrafada.

Zika

O Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde (OMS) já reforçaram diversas vezes que é mínimo o risco de transmissão de doenças pelo mosquito Aedes aegypti durante os Jogos Olímpicos. Entretanto, sempre é importante ficar alerta e adotar medidas de proteção contra picadas do mosquito, que transmite zika, dengue e chikungunya.

Para aumentar a proteção, sobretudo das gestantes,  é importante se hospedar em locais que tenham telas de proteção nas portas e janelas e use ar-condicionado e ventilador, que também servem de barreiras de proteção contra o mosquito.

Se apresentar sintomas como manchas vermelhas na pele, coceira, febre (alta ou baixa), dor no corpo ou nos olhos, o viajante deve procurar um serviço de saúde, beber bastante líquido e não se automedicar.

Vacinas

O Ministério da Saúde recomenda aos turistas que atualizem a sua caderneta de vacina, pelo menos 10 dias antes da viagem, para as seguintes doenças: Influenza, se fizer parte do grupo prioritário, sarampo e hepatites A e B. Para turismo ecológico, a vacina contra febre amarela é altamente recomendada.

a61a6c2a-e12b-493d-8721-0b8f092077dd

* com informações do Portal Brasil 

 

(Visited 108 times, 1 visits today)

Redação Revista Embarque

Email: embarque@revistaembarque.com
Email: jornalismo@midiaconsulte.com

Fone: (11) 96948-7446

Whatsapp: (11) 96948-7446